Quanto devo pagar por um site?

Investir em um site para seu negócio é um momento que exige bastante cuidado, pois existe uma quantidade muito grande de ofertas no mercado digital se tratando de criação de sites, o que acaba por confundir o cliente que está em busca deste tipo de investimento. Para lhe auxiliar neste processo, pretendo esclarecer os principais pontos que você deve analisar na hora em que estiver escolhendo o serviço/empresa para criação de seu site.

Vamos começar falando sobre como funciona a estrutura de um site, compreendendo domínio na internet, hospedagem e desenvolvimento. De forma simples, imagine que para construir sua casa (site) você precise de um terreno (hospedagem), e, após construir sua casa (site) em seu terreno (hospedagem), será necessário informar o endereço (domínio) para que seus amigos e familiares lhe visitem (acessem seu site). No meio desse processo, existe a etapa de construção (desenvolvimento) da sua casa (site), e essa é a etapa que tem maior custo.

Agora que você já sabe o que é domínio, hospedagem e desenvolvimento, fica mais fácil de compreender que todos esses fatores influenciam bastante no resultado do seu produto (site), impactando diretamente na qualidade. Já é possível responder com maior clareza se vale a pena pesquisar por uma empresa que lhe venda uma casa bem localizada, segura, bonita e confortável.

Como dito anteriormente, existem muitas ofertas quando o assunto é construir um site. De modo geral, é possível afirmar que um "site grátis" não trará os mesmos resultados que um site profissional com um preço mais elevado. Você pode estar se perguntando: "- ah, mas eu só quero um site pra mostrar uma foto da minha empresa, com telefones de contato, então não preciso de qualidade, né?!". Errado! Quando você tem um site profissional, por mais simples que seja, sempre terá mais vantagens diante de sites baratos. Um exemplo bem prático disso é a indexação em buscadores como Google, onde um site profissional que possui técnicas avançadas de SEO (Search Engine Optimization) vai ser exibido com maior frequência para os usuários que estiverem pesquisando por determinado conteúdo relacionado a sua empresa.

Bom, talvez ainda não esteja tudo muito claro em sua cabeça, então vamos fazer alguns apontamentos sobre diferenças dos serviços baratos/grátis e serviços profissionais.

Site Grátis

- É comum neste tipo de serviço que seu site exibirá propagandas indesejadas, o que acaba passando uma experiência ruim para os seus usuários, afinal, quem é que gosta de visualizar propagandas indesejadas não é?!

- Os mecanismos de buscas como Google, Bing, Yahoo não costumam priorizar sites desse padrão, por causa das más práticas em seu desenvolvimento. Então saiba que dificilmente seu site será exibido para um usuário que está buscando por um produto/serviço relacionado a sua empresa nestes buscadores.

- É difícil mensurar resultados nesse tipo de site, pois dificilmente existirá um painel para acompanhar estatísticas de uso, entre outras informações como "produto mais acessado" ou "notícia mais lida".

- Credibilidade baixa: uma empresa que cria o seu próprio site utilizando serviços para baratear o custo dificilmente serão empresas sérias e que se preocupam com qualidade. Você não pode passar essa impressão para seus usuários.

- Design/layout comum e igual ao de várias outras empresas (seu site não será exclusivo, e vão existir vários outros com as mesmas cores, os mesmos textos, o mesmo formato).

- Lentidão no acesso, falhas inesperadas, ausência de suporte técnico especializado.

Site profissional

- Domínio próprio e de fácil memorização (pudim.com.br) além de e-mails corporativos associados ao domínio (contato@pudim.com.br).

- Maior credibilidade: um site profissional vai criar uma experiência fantástica para os usuários, facilitando a conversão de um usuário para cliente.

- Esqueça publicidades e pop-ups indesejados.

- Design profissional, mantendo uma aparência mais próxima da realidade da sua empresa (identidade visual). Além disso, as empresas que constroem sites profissionais vão saber o melhor formato, pois conhecem o seu público-alvo.

- Crie situações personalizadas dentro do seu site, como um gatilho para vender/exibir um produto ou serviço em específico, ou forçar os usuários a se cadastrarem em alguma lista personalizada.

- Qualidade no acesso: dificilmente seu site ficará inacessível, ou apresentando lentidão. Esse padrão de site estará hospedado em servidores dedicados e de qualidade.

- Facilidade na indexação de buscadores como Google, Bing e Yahoo, possibilitando que os usuários encontrem seu site com muito mais facilidade.

Agora que você sabe sobre as diferenças entre um site grátis e um site profissional, com certeza vai precisar encontrar um prestador desse serviço que seja referência no mercado. A Tuhl pode lhe ajudar neste processo.

Clique aqui para fazer um orçamento sem compromisso.